livros          
Gaiola de Ouro
Shirin Ebadi

Gaiola de Ouro

Título:
Gaiola de Ouro

Colecção:
Romance

Nr de páginas:
250

PVP /c Iva:
20 €

ISBN:
978-989-626-168-9


Formato:
16 x 23,5

Encadernação:
Brochado

Data:
Maio
Sinopse:

Os Verões à sombra das cerejeiras e as tardes de Inverno sob os korsi, o sabor dos balva passados por manteiga e as discussões sobre a moda europeia: são as tradições que marcam o ritmo de uma amizade entre as famílias de Shirin e Pari.


No entanto a Revolução Islâmica está destinada a mudar tudo, dispersando os três irmãos de Pari por diferentes caminhos e tornando-os inimigos. Uma família dividida pela história e unida num destino de tragédia: Abbas é general do exército do Xá e, quando o regime é dissolvido, vê-se obrigado a fugir, na companhia da mulher doente, para a América, onde o espera o choque de uma cultura alheia. Javad, activista do partido comunista Tudeh, é votado a uma existência de clandestinidade e perigos que o conduzirão várias vezes à prisão. Ali junta-se com entusiasmo à revolução e acaba na frente a combater as tropas de Saddam Hussein. Enquanto, Pari procura manter juntos os fios desfeitos da família, o país inteiro desmorona-se num abismo de violência, corrupção e opressão de onde parece impossível sair. E que também põe em perigo a sua vida e a de Shirin.


A verdadeira história de A gaiola de ouro é a de muitas famílias iranianas, vítimas de um período de poucas décadas de alterações históricas e políticas que significaram a guerra dos pais contra os filhos, dos irmãos contra os irmãos, e que provocaram a emigração de milhões de cidadãos. Em contraluz, a História desliza, dos últimos dias da monarquia à ascensão de Ahmadinejad. Esta obra é também um grito de denúncia e de escândalo: a tragédia da família de Pari, entrelaçada com as vicissitudes pessoais e profissionais de Shirin Ebadi, é a tragédia de todo um povo. Humilhado por uma monarquia corrupta, arruinado pelas ingerências estrangeiras e por uma política americana sem escrúpulos e ainda sujeito ao actual regime teocrático.



 
 
agenda

22 de maio, 18h30 - Apresentação de Um Jardim Dentro de Casa de Teresa Chambel. El Corte Inglés. Porto

23 de maio, 18h30 - Lançamento de Os Combatentes Portugueses do Estado Islâmico de Nuno Tiago Pinto. Apresentação por Carlos Daniel. Fnac MarShopping

02 de junho, 18h30 - Lançamento de As Mulheres que fizeram Roma de Carla Quevedo. Apresentação por José Diogo Quintela. Livraria Buchholz

03 de junho, 18h30 - Apresentação de Coaching para Pais de Cristina Valente. Biblioteca Municipal de Alcobaça

04 de junho, 18h30 - Lançamento de A Minha Prisão de Isaltino Morais. Auditório da Faculdade de Direito

07 de junho, 16h00 - Sessão de autógrafos com Isaltino Morais. Continente de Oeiras parque

08 de junho, 18h30 - Lançamento de O Que Vejo e Não esqueço de Catarina Furtado. Restaurante Zambeze.


pesquisa